Página Principal A Associação Eventos/Notícias Contactos Mapa do site
  AMIBA
Associação de Criadores de Bovinos de Raça Barrosã

Descrição

As características dos ovinos da raça Bordaleira de Entre Douro e Minho são descritas pelo seguinte padrão e biometria:

Aspecto Geral:
Animais de tamanho médio, geralmente de cor branca.

Cabeça:
Perfil recto. Pequena e adelgaçada para o focinho. Em geral, deslanada com uma poupa no frontal. Olhos grandes e salientes. Orelhas curtas e horizontais. Machos com cornos curtos, em espiral incompleta, apertada junto à cabeça (em foice). Fêmeas sem cornos.

Pescoço:
Comprido e estreito, proporcionado ao tamanho do animal. Roliço e recoberto de lã em toda a sua superfície. Por vezes uma ligeira barbela principalmente nos machos. Má ligação ao tronco.

Tronco:
De reduzidas dimensões transversais. Costelas medianamente arqueadas. Linha dorso-lombar horizontal. Garupa estreita e um pouco descaída.

Úbere:
Médio e globoso, com tetos regularmente desenvolvidos e bem implantados.

Membros:
Curtos, regularmente aprumados. Sem lã abaixo dos joelhos e dos curvilhões. Nádega pouco musculada.

Velo:
Heterogéneo, recobrindo todo o corpo, excepto a cabeça e as extremidades livres dos membros. Velo medianamente fechado e compacto, de madeixas sugosas e cilíndricas, constituídas por fêveras finas, macias e sugosas, com raros e curtos pêlos cabrios. A coloração do velo pode ser branca ou excepcionalmente preta.

Tamanho:
As fêmeas pesam em média 35 kg e os machos 43 kg o peso ao nascimento ronda os 3kg.


 

Medidas biométricas (cm)

Bordaleira Entre Douro e Minho

Fêmeas

Machos

Altura do garrote

63,50

72,11

Altura a meio do dorso

63,33

72,83

Altura no inicio da garupa

65,50

73,04

Altura do peito

33,83

41,05

Comprimento escápulo-isquial

70,83

77,02

Comprimento da garupa

21,33

26,06

Comprimento do tronco

59,33

68,10

Largura do peito

22,50

26,13

Largura bi-ilíaca

20,01

23,10

Largura bi-isquiática

12,83

13,03

Perímetro torácico

82,02

87,11

Perímetro da canela

8,50

9,50

Peso vivo                          (kg)

35,18

43,40


Características produtivas

Actualmente existem cerca de 227 criadores, que partilham um efectivo de 6052 ovinos da raça BEDM, distribuídos pelos distritos de Braga, Viana do Castelo, Porto,Vila Real e Aveiro.


clique sobre a imagem para ampliar



A raça ovina Bordaleira de Entre Douro e Minho é considerada de grande rusticidade, de bom temperamento e notável longevidade, sendo o velo do tipo cruzado com lãs de fêveras finas, macias e sugosas, com raros e curtos pêlos cabrios. Os velos dos machos têm um peso médio de 3,5 a 4,5Kg e os das fêmeas de 1,5 a 2,5Kg.

Os animais das zonas mais baixas, apesar de rústicos, possuem uma alimentação melhorada, reflectindo-se numa superior conformação e performances reprodutivas.

Nestes animais é comum a ocorrência de partos duplos, bem sucedidos, com alta taxa de sobrevivência dos borregos devido ao reduzido número de animais por criador, permitindo um maior cuidado e atenção a cada animal. As ovelhas desta zona são colocadas à primeira cobrição normalmente antes do ano de idade, parindo pela primeira vez antes dos 15 meses e são refugadas por volta dos 10 anos. A mais ou menos constante qualidade e quantidade de alimento permite reduzir o período de retorno destas ovelhas, o que se traduz numa reduzida sazonalidade e consequentemente numa ocorrência dos partos ao longo do ano. O desmame dos borregos, quando não precoce (ao mês de idade), faz-se entre os 4 e os 5 meses, apresentando as carcaças geralmente um rendimento que ronda os 50%.

A raça é tida como de boa índole, sem dúvida moldada pela intervenção e convívio diários com os criadores.

Assim, e para criar um mercado concorrencial, que permita uma alternativa aos produtos massificados, criados em regime intensivo, está em estudo o lançamento de um produto com modo de produção biológico e tradicional.